Título da Oportunidade:
Extensão e desenvolvimento rural sustentável na Bacia do Paraná 3
Tipo da Oportunidade:
Oferta
Nome da Área:
Dissertação
Entidade:
Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Endereço:
R. Universitária, 2069 - Universitário, Cascavel - PR, 85819-110, Brasil
Ambiente de Inovação:
Acadêmico
Palavras-Chave:
Agricultura familiar, Cooperativismo, Economia solidária

Descrição das principais atividades da área:

 O estudo das especificidades que permeiam a realidade da agricultura familiar e camponesa, bem como suas organizações, possibilita inferências sobre como estes grupos sociais estão ligados e se aproximam às dimensões de sustentabilidade. Assim, o objetivo deste trabalho foi o de analisar algumas iniciativas de extensão e desenvolvimento rural sustentável existentes na Bacia do Paraná 3 – BP3. Para tanto, foram elaborados três artigos, dos quais o primeiro analisou algumas iniciativas existentes na BP3 de trabalhos segundo os preceitos da nova Ater para a agricultura familiar e suas organizações, bem como elencou demandas destes serviços. No segundo buscou-se realizar uma caracterização de seis cooperativas de comercialização dos produtos da agricultura familiar evidenciando seus caminhos de comercialização acessados e a relação com o mercado institucional e convencional. O último deles se trata de um caso específico de uma cooperativa camponesa analisada através de metodologia participativa para evidenciar a percepção dos associados sobre os pontos fortes e fracos da organização. A conclusão demonstra que a pesquisa atendeu aos objetivos propostos por cada artigo e permitiu destacar alguns indicativos, como a importância das políticas públicas, dos trabalhos de assistência técnica e extensão rural e do cooperativismo para a agricultura familiar e camponesa.


Infraestrutura:
Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Desenvolvimento Rural Sustentável.

Resultados:

O desenvolvimento do trabalho a partir da elaboração dos três artigos permitiu

analisar algumas iniciativas de extensão e desenvolvimento rural sustentável na BP3.

Os resultados do estudo evidenciaram que a agricultura familiar na BP3 conta com

várias iniciativas que auxiliam para a nova Ater, beneficiando as propriedades e as

famílias do campo, mas que os serviços precisam de uma continuidade e ampliação.

Além disso permitiu com que fossem caracterizadas as cooperativas de acordo com

suas especificidades, demonstrando os caminhos de comercialização acessados por

elas, os desenhos de mercado e o acesso à mercados institucionais e convencionais. E

ainda a construção coletiva de uma análise para um caso específico de uma

cooperativa camponesa utilizando a ferramenta matriz Fofa e a pesquisa-ação com os

associados, o que resultou na visualização das características da cooperativa

evidenciando seus pontos fortes e fracos em seu ambiente interno e externo.

De forma geral, alguns indicativos se destacaram no decorrer desse trabalho.

Um deles é a nitidez do auxílio que políticas públicas provém à agricultura familiar e

camponesa. As políticas públicas para esse setor surgiram a partir da organização

social e de lutas promovidas por lideranças e entidades de representação, por exemplo,

associações de produtores, sindicatos dos trabalhadores rurais, universidades e

agentes políticos.

Assim, a importância da manutenção e fortalecimento dessas políticas é

evidente, ao passo que, do contrário, a precarização e fragilização das políticas

públicas podem comprometer a manutenção dos trabalhadores no campo com

qualidade de vida. A pre,ocupação que os próprios agricultores apresentam e que foi

demonstrada no estudo é a de que políticas de crédito, a comercialização, em especial

de assistência técnica e extensão rural não podem ser reduzidas ou minimizadas.

A visão de um serviço de assistência técnica e extensão rural diferenciado

também demonstrou ser muito positiva. Trata-se do atendimento aos princípios da nova

Ater considerando principalmente o agente como educador e fazendo parte da

realidade em que está inserido.

Outro indicativo é a importância do cooperativismo para o fortalecimento dos

agricultores, principalmente no âmbito da comercialização dos seus produtos. Pode-se

concluir que a união em uma forma associativa se caracteriza como uma forma superior

de auxílio aos agricultores familiares em comparação ao individualismo. No entanto,

para a manutenção e ascensão destas cooperativas, o envolvimento dos associados

nos direcionamentos, gestão e andamento é fator primordial.

Por fim, este estudo buscou, além de sistematizar algumas ações voltadas ao

desenvolvimento rural sustentável na BP3, trazer algumas especificidades e reflexões

que possam ser utilizadas para dar suporte às decisões na contribuição governamental,

não governamental e da sociedade para a agricultura familiar, camponesa e de

comunidades tradicionais da região.

Outros estudos em demais localidades, em outros momentos ou com diferentes

enfoques são sugestões para que se demonstre a realidade da agricultura familiar

buscando sempre o seu fortalecimento.


Oportunidades:
Programa de Pesquisa e Pós-Graduação 
Nome:
Núcleo de Inovações Tecnológicas - NIT/Unioeste
E-mail:
nit@unioeste.br
Telefone Fixo:
(45)3220-5709
Telefone Móvel:
Cargo/Função:
Coordenador
URL Lattes:
http://www.unioeste.br/nit/
Nome
Link (Lattes/LinkedIn/WebPage)
Telefone Contato
Email Contato
Vinícius Mattia http://lattes.cnpq.br/1038402687658374 (45)3284-7916 nit@unioeste.br
Faça o login para deixar uma proposta!
Faça o login para deixar seu interesse em trabalhar na área!
1 Pessoas se interessaram em trabalhar na área
28 Pessoas acessaram esta área
Faça o login para deixar um comentário!
Voltar para a lista